quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Pronto. Acabou tudo. FÉRIAS! Finalmente férias!
Ontem foi a última apresentação do ano. Toquei Imagine, do John Lennon no piano. Ficou boa e tal, as pessoas gostaram, enfim...
O curso e a escola já terminaram tem quase uma semana. E mais alguns dias estarei livre do teclado também.
Feliz? É.
Me sinto estranha. O ano acabando, e eu não senti necessidade de fazer as contas, saber quantos quilos perdi nos 12 meses e me culpar por ter feito pouco esforço.
Eu comi quase como uma pessoa normal. Eu comi em público, com meus parentes, com meus amigos, com os parentes do N., peguei um milk-shake e saí andando com ele no meio de todo mundo sem que ficassem me olhando. Comi quase tudo que tive vontade, e o mais importante, eu senti vontade de comer, de no mínimo experimentar e ter certeza se valia ou não a pena comer. Talvez eu não seja a mais nutrida das pessoas, mas só de saber que eu consigo comer algo sólido todos os dias já é alguma coisa.
As vezes até acredito no tal do 'ponto de equilíbrio' que me permita sentir algo próximo à felicidade. Um peso razoável que não faça minha barriga encher de dobras quando me sento e nem sentir tontura e falta de ar quando me levanto.
O namoro vai bem, mas já esteve melhor. Ele diz que sou perfeita em todos os aspectos, o único problema é o meu desânimo, apatia, falta de vontade de sair de casa, e tudo mais do gênero. Tudo que todo mundo também reclama. Isso me incomoda também, e até já pensei em tomar algum energético. Mas a questão é que o problema não resolve com uma cápsula de pó de guaraná. Eu preciso consertar o que me deixa desanimada, e aí sim. Se ele não gostasse do meu cabelo, das minhas roupas, maquiagem, qualquer coisa assim, seria tão mais fácil de resolver. Era só pegar e mudar. Mas como vou pegar o meu humor nas mãos e ajeitá-lo do jeito que quero?

Ah, eu sei que o post ficou uma bosta e que eu estou sumida, etc etc etc. Mas tô com um problemão pra escrever. NÃO SAAAI! Tenho TANTA coisa pra contar, mas não sai. Dá vontade de vir escrever quando leio os comentários, quando dizem que adoram o jeito como eu escrevo, etc, "mas quando abro o word me dá vontade de debruçar e tirar um cochilo" (by Marcy).
Enfim...


10 comentários:

Filipa disse...

Gostei muito do que escreveste :)
Fico feliz por estares mais proxima do teu ponto de equilibrio :)
espero que continues a melhorar sempre :D
Beijinhoo

Cinderela disse...

Ferias eh td de bom!
Eu sei como eh essa coisa, mas isso eh bom, significa que vc tah se libertando da anna...
Eh bom ter alguem do seu lado que te ama tanto assim!
Naum se preocupa com as sumidas, espero vc sempre ;)

Srtª Lua disse...

Ah, o fim do ano!As coisas fogem um pouco do controle,
mas que bom que vc está bem,
não ficou desesperada.
Gostei do post!

Cuide-se
bjos

Butterfly Blue disse...

Sei bem.....as vezes eu venho p escrever e não tem nada p contar...mas de repente eu quero escrever um monte....sento na frente do pc e nào sai nada.....q coisa né
Tb to desanimadinha p tudo,\....bjão p vc

menina disse...

ótimo, maravilhoso saber que você teve um ano consideravelmente bom, que não se preocupou tanto com essas coisas todas e que apesar de tudo, está mais perto do que longe do seu ponto de equilíbrio.
Eu senti falta dos seus posts. Muita falta mesmo. Mas a cada um você vinha com poucas mas sinceras palavras e acima de tudo: palavras animadas.
fico muito feliz em saber que está tudo bem.

não sei se você voltará até o fim do ano.. se não, deixo aqui o meu desejo pro seu 2011 ser ainda melhor.

=**
se cuida, minha linda.
<3

Śřţª Đ' disse...

Nãooo, vc não escreve mal, gosto dos seus posts, é muito interessante ler o que vc escreve hehehe

Beijos e força !

ly disse...

fico feliz pelas coisas estarem entrando em seus devidos lugares
torço muito por vc força borboletinha

(ly.anna.zip.net)

Ramona disse...

Aproveite o fim de ano, aproveite as férias, não faça balanços, esvazie a cabeça das chatices do dia a dia. Continue aproveitando cada detalhe do seu dia, como o milk-shake, e o humor aparece já, já!

bella. disse...

Flor, cadê você? Não suma assim :( Sinto tanta falta de ler teus posts.

Uma outra vida inexplicavel disse...

oooii,amei seu blog, me add se pude: meliearhart@hotmail.com. ja estou seguindo vc, la no meu blog tem um xat qe coloqei, se quiser ir la. dexa comentario.bjinsss