sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Nothing's gonna change my world

Juro que tentei vir postar. Várias vezes.
Na verdade, passei quase um mês esperando algo bom acontecer para vir aqui contar, e não aconteceu nada que valesse a pena alguém saber.
Passei os últimos dias vomitando, até sangrar, até deitar no chão do banheiro por falta de forças para ficar de joelhos. Minha cabeça dói, meu estômago dói, minha garganta dói. Evito balanças, fitas métricas, espelhos. Evito sair, evito caminhar para não me ver obrigada a comer algo a mais que sei que vou ter que vomitar depois. Não conto mais calorias, e quase não presto atenção quando como. A própria comida reluta em descer, como se já soubesse que vai precisar sair.
Tenho pensado muito no quanto tudo isso me atrapalha, mais, mais e mais. Não tenho vida social, não posso ter relacionamentos de espécie nenhuma, simplesmente por não conseguir comer normalmente. Tudo está bem enquanto é só conversa, até alguém dizer: "Hey, vamos tomar sorvete?", ou "Quer refrigerante?"
Falta o abraço. Falta o ombro, falta o colo para deitar e chorar. Falta alguém com quem conversar sobre mim, que não seja a psicóloga.
As pessoas sempre me procuram para conversar, contar segredos, pedir conselhos. E por que eu não posso ter alguém para isso também? Ou melhor: por que não posso contar meus segredos sem ter um olhar de pena sobre mim? Por que ninguém sabe o que me falar quando digo que não consigo comer?
Não sei mais o que fazer da minha vida. Acho que nunca tive tantas dúvidas e tanta insegurança e medo do fracasso quanto agora. Sei que fracassar não é falhar, em tudo, como eu. Fracassar é desistir. E não sei a quantos curtos passos estou de desistir, de vez. Das pessoas, de mim, do futuro e da minha vida.

Each morning I get up I die a little
Can barely stand on my feet
Take a look in the mirror and cry
Lord, what you're doing to me?

[Queen - Somebody To Love]

17 comentários:

Exahmia disse...

Each morning I get up I die a little
Can barely stand on my feet
Take a look in the mirror and cry
Lord, what AM I doing to MYSELF?

Spartano disse...

Desculpe invadir seu Blog...
Eu ja tive quase o mesmo problema que vc, não ter ninguem com quem conversar mas varias pessoas veem a mim como alguem em quem se pode confiar e tal.
Cheguei a conclusão que as vezes tem pessoas que só tem a si mesmas e a Deus, não vo entrar em merito de religião. Mas isso acontece bastante. Nem sempre eh bom vc acordar e saber que as pessoas que podem contar com vc não estarão dispostas a te ouvir quando vc precisar, mas no meu caso eu vou levando.
Quanto a vc ter problemas em comer e ninguem te entender isso é normal, quem não conhece ou não sabe direito o que é vai ficar receoso em falar algo ou pensar coisas erradas a seu respeito.
Muitas vezes influenciandos por midia e tal o pessoal só sabe falar: "Vai se tratar" e mais nda, mas não eh bem assim... as vezes desabafar com um AMIGO pode ser melhor que 10 sessões de psicologo ou algo que o valha. Mas muitas vezes as pessoas que nos ouvem estão a centenas de quilometros...
Nesse caso nos isolamos... o que não eh bom mas tem vezes que eh a unica forma de sobreviver...

Bom desculpe a invasão.

Abs []'s

Pati.X disse...

Oi!
Costumo ler o seu blog e este sera o meu 1º comentario, gosto muito da anne :).
O seguinte, o que me ajudou, pode ajuda-la tambem foi tentar esquecer algo, e isto define-se por uma só palavra: obcessão! Depois de a anne a esquecer, tentar as coisas levarem o seu rumo vai ver que dia menos dia estara mt melhor! Bom ainda hj qnd estou em baixo tenho pensamentos invasivos, nomeadamente em relação ao corpo vs comida, mas ñ m sinto obcecada como antes e vivo mt mlhr..aos poucos..mas vou vivendo..
pfvr tenta isso
Bj
(desculpa os erros :S)

Aubrey em busca da perfeição disse...

Puxa amiga que foda, eu também tava vomitando sangue. :/
Estou com ucera!
Então cuide-se amor, pra nao prejudicar severamente sua saúde!
Amor.. se precisar desabafar pode falar comigo, sei que as vezes andie meio ausente mas eu sempre dou minhas espiadinhas no blog!
Então já sabe né.. calma viu, vai ficar tudo bem!


Linda te amo minha magricela ♥

Ana e Mia Forever disse...

linda não fica assim, e saiba q blog não é só pra contar coisas boas e q estamos aqui pra te ouvir, seja a noticia boa ou ruim vc sempre vai poder contar com a gnt. fique melhor
bjs

Cristal* disse...

Linda, podes sempre voltar, a vida é boa e má ao mesmo tempo e estamos aqui para te ouvir.
Quero que fiques melhor, que a tua força seja tanta para aguentar isto tudo, para sair do teu casulo, para confiar em alguém humano, para viver de novo.
baci*

Pucca disse...

Ohh minha linda, o pior que a minha vida tbm é assim, e de varias meninas, porque a ANA E MIA é isso, esconder, mentir, sair, nao comer.
Espero que voce melhore, fica nesse momento realmente é ruim.
Se cuida!

As I am disse...

Oi!
Eu já tinha passado pelo teu blog antes, mas não sei se cheguei a comentar...
Espero que não te importes com a invasão! =)

Tens de ter força! Muita força! EU percebo perfeitamente aquilo por que estás a passar, é complicado quando nos sentimos 'sozinhos' neste mundo, mesmo quando temos dezenas de pessoas à nossa volta... :S

Eu costumo ter uma teoria que é assim, não sei se vai ajudar em algo...
" Eu não sou uma perdedora porque falhei, sou uma vencedora porque ao menos tentei! "

=)

Beijinho, se cuida =)

menina disse...

senti sua falta .-.
eu sei que é ruim nao ter coisas boas para contar, mas acho que é bom escrever mesmo sem novidades boas... nao some mais naao?

é horrivel nao ter com quem conversar.. pior ainda é quando nos olham com pena. nem sei o que falar. ja passei por isso. to passando. acho.

nao vou falar 'cuidado. vomitar demais faz mal a voce'. voce ja deve saber disso e é cansativo pra voce ouvir o que já sabe.

quanto a nao conseguir comer.. bom, a pouco tempo cheguei a conclusao que temos duaas fases distintas: uma em que comemos de tudo para nos sentir bem [compulsoes], outra em que cada grama de comida nos faz ainda pior.
eu estou na primeira. vc talvez na segunda. e acho que nao vai adiantar muito voce tentar comer se antes nao resolver o que te deixa mal.


se cuida. gosto muito de ti.

menina disse...

*-* sinto o mesmo qndo venho em seu blog. me identifico demaais com cada coisa que voce escreve *-*

meu msn: menina_triste_123@hotmail.com

sim amore. eu sinto sua falta quando vc some. justamente por me identificar tanto com vc.
acabo de descobrir o seu blog abzurdah *-* vou ler cada linha de cada texto *-*

beeijos. adoro vc.

Achyr disse...

http://freaknessspirit.blogspot.com/

...faço parte do circulo das excluídas do mundo... enfim... passa no meu blog, acabei de criar. beijo.

Gabi Antonelli disse...

Meu bem, se afastar das pessoas é o pior que vc pode fazer, pq são os nossos amigos que nos trazem alegria de viver. Se vc que vive com os T.A.s não entende ou não sabe como lidar, imagina as pessoas de fora que em geral acham tudo isso uma loucura das nossas cabeças!
A vida não se resume à Anna e Mia e é isso que vc precisa entender. As pessoas não precisam estar lá pra entender o seu T.A., pq elas não vão entender mesmo (fato!), mas é bom ter pessoas queridas por perto pra gente não se sentir sozinha, mal amada, fraca e com vontade de desistir de tudo.

Fica bem.
Beijo grande

Love disse...

Desculpa passar rapidinho, prometo que volto depois para ler seu post.

Estou organizando um amigo secreto e gostaria de ter vc lá!!!

As regras estão no meu blog as inscrições vão ate domingo.

Beijos e bom fim de semana!!!

Love disse...

Desculpa passar rapidinho, prometo que volto depois para ler seu post.

Estou organizando um amigo secreto e gostaria de ter vc lá!!!

As regras estão no meu blog as inscrições vão ate domingo.

Beijos e bom fim de semana!!!

Drª. Ana disse...

Querida, calma que o dia se aproxima que eu vou te visitar e vamos passar o dia inteiro conversando sobre o que quiser e vc poderá me contar qualquer segredo...

Srtª Vihh disse...

Eu tbm tenho medo de errar, e nem sei se isso já faz parte do cotidiano de muitas pessaos no mundo, não estamos só, querida.
muita força pra continuar
bjUx

valentina disse...

A própria comida reluta em descer, como se já soubesse que vai precisar sair.+1

oi querida.. estou na mesma situação, sabe? ta foda :/
mas seja forte, ta? tenta pensar, se achar um pouco, esclarece as ideias!
da ultima vez que eu tava que nem voce (um pouco pior...) eu cometi o maior erro da minha vida.